"O Portal Top em Notícias do Sul”

FRIO NO MUNDO ANIMAL: Frio intenso e geada matam mais de duas mil cabeças de gado no Paraguai

30/08/2013 14:07

Mais de cinco mil cabeças de gado morreram no Paraguai por causa da onda de frio que chegou ao país nas últimas semanas, informou o Serviço Nacional de Qualidade e Saúde Animal (Senacsa) nesta quinta-feira (29/08/13). 
No total, 5.216 vacas faleceram de hipotermia por causa das geadas que afetam os estados do sul do país. Itapúa, na fronteira com a Argentina, perdeu 1,386 cabeças de gado, segundo a Senacsa. 
O Paraguai registrou nas últimas semanas temperaturas mínimas próximas a zero grau, que além da morte dos animais causou geada em algumas plantações. 
A carne bovina, que representa US$ 617,7 milhões em exportações de carne por ano, é o segundo produto mais exportado pelo Paraguai, atrás apenas da soja. 
A economia paraguaia sofreu no ano passado uma queda de seu Produto Interno Bruto (PIB) de 0,9% devido a um surto de febre aftosa e a uma seca que reduziu a produção de suas colheitas. 
Em sua última revisão, o Banco Central projetou um crescimento do PIB de 13% neste ano, embora a Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe (Cepal) tenha reduzido em abril essa estimativa para 10%, o que torna o Paraguai o país com maior crescimento econômico da América Latina.

 

Esse desatre tambem aconteceu no Brasil em 2010.

Frio mata 2,9 mil cabeças de gado no sul do MS

A Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (Iagro) do Mato Grosso do Sul confirmou hoje a morte de 2,9 mil cabeças de gado em decorrência das baixas temperaturas que atingiram o sul do Estado nos últimos dias.

Segundo a Iagro, o prejuízo dos produtores rurais chega a R$ 3 milhões. Ao menos 15 municípios registraram mortes por causa da hipotermia, quando a temperatura do corpo do gado fica abaixo do normal. Somente no município de Carapó foram registradas 700 mortes. Em Ponta Porã, morreram 523 gados, e foram registradas 300 mortes no município de Antonio João.

Bezerros e vacas magras foram as maiores vítimas do frio. A desnutrição dos animais também é apontada como possível causa da morte do rebanho. Ainda segundo a Iagro, ao todo, o Estado tem mais de 21 milhões de cabeças de gado. Técnicos da agência estão percorrendo as fazendas para orientar os criadores sobre os cuidados com o rebanho.

http://www.estadao.com.br/noticias/geral,frio-mata-29-mil-cabecas-de-gado-no-sul-do-ms,584298,0.htm

 

Fonte:  De Olho No Tempo - Meteorologia / Estadão

Post. Eloídes Nunes.

 

Contato

TopSul Notícias - O Portal Top em Notícias do Sul!

topsulnoticias@gmail.com
topsulcrissiumalrs@gmail.com

Cel.: (55) 9.9148-8420

Pesquisar no site

-

www.topsulnoticias.com.br - TopSul Notícias.

© 2013 - 2017 - Todos os direitos reservados.