"O Portal Top em Notícias do Sul”

AGRICULTURA: Ignorância ainda mata agricultores no manuseio do agrotóxico

26/11/2013 07:26

O pesquisador da Universidade Estadual do Rio de Janeiro Luiz Rodrigues Freire aponta que a falta de conhecimento e a propaganda ‘equivocada’ dos agrotóxicos são as vilãs dos agricultores que manipulam o produto. Freire foi um dos palestrantes do XXVIII Congresso Brasileiro de Agronomia que

este ano teve como tema central das discussões a “Segurança Alimentar e Nutricional” e revelou que muitos agricultores ainda morrem manuseando agrotóxicos.

“A quantidade de intoxicação no meio rural por ignorância é muito grande. Se dermos o nome correto, agrotóxico, que é o que esta na lei, ao invés de utilizar termologias equivocadas como defensivo agrícola e protetor de plantas”, critica.

O professor convoca o poder público e empresas do segmento a dar a orientação correta a esse profissional. “Vamos trazer a redução de acidentes no País na redução de acidentes que nem sequer são contabilizadas”, alerta.

Freire criticou a publicidade criada para inseticidas. “Quem vende agrotóxico, e alguns têm o desplante de chamar isso de remédio, não considera a consequência disso para uma cabeça menos preparada de ouvir. Para essas pessoas, a palavra remédio não é sinônimo de perigo”, observa.

Apesar de o pesquisador admitir a força do mercado agrotóxico, ele acredita que é possível ampliar a produção e consumo dos alimentos limpos, os orgânicos.

Para ele, agricultura orgânica assegura alimento de melhor qualidade sem resíduos comprometedores para sua saúde.

Porém, isso não significa que nenhuma providência de controle de pragas e doenças não deve ser feito.

O professore ressalta que o conhecimento da agricultura orgânica é complexo. “Não se trata de aplicar qualquer quantidade de esterco porque dependendo pode contaminar o alimento.

A agricultura tem que ser praticada com o acompanhamento de uma assistência técnica. Agricultura orgânica é limpa e não é não é originada de qualquer forma de aplicação”.

FONTE: Agro Olhar 
Post. Eloídes Nunes.

Contato

TopSul Notícias - O Portal Top em Notícias do Sul!

topsulnoticias@gmail.com
topsulcrissiumalrs@gmail.com

Cel.: (55) 9.9148-8420

Pesquisar no site

-

www.topsulnoticias.com.br - TopSul Notícias.

© 2013 - 2017 - Todos os direitos reservados.